Educação Pontapé

Secretaria de Ressocialização e Inclusão Social oferece 45 vagas de estágio pelo programa Pontapé

.

14/01/2022 às 14h58
Por: Redação Fonte: Agência Alagoas
Compartilhe:
 Reprodução
Reprodução

Ascom Seris

A Secretaria de Estado da Ressocialização e Inclusão Social (Seria) abrirá um total de 45 vagas de estágio remunerado para alunos de 23 cursos diferentes, do ensino superior. As oportunidades para este início de contato com o mercado de trabalho são oferecidas por meio do programa Pontapé Educação, a cargo da Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag).

O prazo de inscrição no programa foi prorrogado até o próximo dia 28 de janeiro, às 18h. Os interessados devem acessar o site pontape.al.gov.br  e preencher formulário on-line.

De acordo com página eletrônica da Seplag, “podem concorrer às vagas estudantes dos cursos de administração, direito, ciências contábeis, educação física e nutrição”.

Para isso, os universitários devem estar matriculados em instituições de ensino no estado de Alagoas, em cursos presenciais ou EAD, desde que estejam devidamente matriculados e cursando, no mínimo, o segundo ano, para cursos de periodicidade anual, ou o terceiro semestre, em caso de curso de periodicidade semestral.

Ainda conforme as normas do programa, “o processo seletivo é totalmente eletrônico e o principal critério para aprovação é o Coeficiente de Rendimento acumulado (CRa)”.

“As vagas são distribuídas da seguinte forma: 40% são destinadas a estudantes inscritos no CadÚnico, 40%  para estudantes que cursaram todo o ensino médio em escola pública ou em escola particular com bolsa integral, 10% para pessoas com deficiência e 10% das vagas para ampla concorrência”, acrescenta o espaço eletrônico da Seplag.

Cursos e vagas

Conforme a demanda apresentada pela SERIS, são os seguintes os cursos em que a pasta oferecerá vagas para estágio: Direito (9 vagas), Nutrição (1), Relações Públicas (1), Jornalismo (2), Publicidade e Propaganda (1), Contabilidade (1), Administração (4), Engenharia elétrica (1), Engenharia Civil (2), Arquitetura (1), Biblioteconomia (1), Pedagogia (2), Português (1), Ciência Social (1), Design Gráfico (1), Educação Física (1), Agrônomo (1), Engenharia Química (1), Ciência da Computação (2), Assistente Social (2), Psicologia (2), Administração Pública (5), Redes, Suporte e Manutenção de Computadores (2).

As 45 vagas estão distribuídas em 13 diferentes setores, áreas e unidades que compõem a administração penitenciária e o sistema prisional.

O curso de Direito é que tem maior número de vagas para estágio por ser o que atenderá as nove unidades que integram o sistema, do Núcleo Ressocializador aos presídios Baldomero Cavalcanti e Feminino Santa Luzia, entre outras.

Já o setor de Laboterapia oferece 13 vagas para graduandos de sete cursos diferentes, por ser o que atua em áreas que vão do ensino, às atividades físicas, do trabalho com horta à confecção de itens de saneantes (como sabão em barra e detergente).

Para este setor, há vagas, por exemplo, para Pedagogia (1), Português (1) e Ciência Social (1); Design Gráfico (1), Educação Física (1), Agrônomo (1) e de Engenharia Química (1).

A iniciativa do programa disponibiliza um canal aberto para sanar os questionamentos dos estudantes. Em caso de dúvidas o candidato poderá encaminhar e-mail para: [email protected].

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários